Atlético quita dívida de R$ 5,8 milhões pela contratação do meia David Terans

Esportes

Atlético quita dívida de R$ 5,8 milhões pela contratação do meia David Terans

12:55 | 07 de maio

 

O Atlético anunciou nesta quinta-feira que quitou uma dívida de R$ 5,8 milhões, referente à contratação do meia David Terans, em 2018, junto ao Rentistas, do Uruguai.

A decisão que obrigou o Galo a efetuar o pagamento foi do Tribunal Arbitral do Esporte (TAS, em inglês), que manteve a condenação anterior da FIFA, entidade máxima do futebol, em maio do ano passado, que já havia determinado a quitação.

Se o Atlético não fizesse o pagamento, o clube seria punido com o "transfer ban", medida que impede o registro de novos jogadores. A pena já poderia começar a ser aplicada no segundo semestre deste ano.

No comunicado sobre a quitação da dívida, o Galo disse que o pagamento "representa mais um passo importante para sanear as finanças da clube, dentro do processo de gestão responsável que vem sendo implantado, através das melhores práticas de governança. O objetivo é fazer do Atlético um clube referência em gestão na América Latina".

Valorização

 

Com a camisa do Galo, Terans nunca se firmou. Ele disputou 33 jogos e marcou dois gols. Sem espaço no elenco e em meio à contratação de outros jogadores, o meia foi cedido por empréstimo ao Penãrol e, por ter se destacado na equipe uruguaia, teve seu vínculo de cessão renovado para até 31 de dezembro deste ano. 

Considerando as temporadas passada e atual, Terans fez 41 jogos pelo Peñarol e marcou 18 gols. Com contrato com o Galo até junho de 2023, é provável que o Atlético aguarde propostas e utilize da valorização do meia para vendê-lo. 


(Fonte:Itatiaia/Foto:Bruno Cantin)





 

 

Publicidade