Após tropeço do Atlético-MG, Hulk garante reação com chegada de Cuca: "Muita lenha para queimar"

Esportes

Após tropeço do Atlético-MG, Hulk garante reação com chegada de Cuca: "Muita lenha para queimar"

10:25 | 25 de July

O atacante Hulk não baixou a cabeça frente ao segundo tropeço seguido do Atlético-MG no Campeonato Brasileiro. Após a derrota de virada por 2 a 1 para o Corinthians, o atacante falou que ainda há um returno inteiro para disputar e disse que torce por um novo sucesso de Cuca no comando do Galo.
- Futebol brasileiro é muito difícil. É muito difícil abrir uma vantagem boa, e basta perder dois ou três jogos que quem está embaixo encosta e tem muita lenha pra queimar ainda, tem muitos jogos. Se a gente focar, a gente tem tudo para poder recuperar os pontos perdidos – avaliou Hulk.

Para o atacante, o Galo tem condições ainda de brigar pelos títulos do Campeonato Brasileiro e da Libertadores. Ele ainda comentou sobre a chegada do técnico Cuca, que estará em Belo Horizonte nesta segunda-feira.
- Futebol brasileiro é muito difícil. É muito difícil abrir uma vantagem boa, e basta perder dois ou três jogos que quem está embaixo encosta e tem muita lenha pra queimar ainda, tem muitos jogos. Se a gente focar, a gente tem tudo para poder recuperar os pontos perdidos – avaliou Hulk.

Para o atacante, o Galo tem condições ainda de brigar pelos títulos do Campeonato Brasileiro e da Libertadores. Ele ainda comentou sobre a chegada do técnico Cuca, que estará em Belo Horizonte nesta segunda-feira.
Derrota de virada
Sobre o revés por 2 a 1 para o Corinthians, Hulk considerou que o Atlético-MG poderia largar com boa vantagem no primeiro tempo, mas falhou nas finalizações.

- Poderíamos ter terminado o primeiro tempo com pelo menos dois ou três a zero, mas não conseguimos definir da melhor forma possível. É uma derrota que é muito ruim pra gente aceitar. Quando o time joga mal, quando a equipe é superior a gente tem que reconhecer, mas é difícil voltar pra casa agora, ficar essa semana inteira lamentando essa derrota onde a gente poderia ter ganho bem o jogo. Mas tem que levantar a cabeça, para não deixar isso acontecer mais.


(Fonte:Globo Esporte/Foto:Alessandra Torres)