UFMG recebe a 20ª Feira de Artesanato do Vale do Jequitinhonha

Notícias da região

UFMG recebe a 20ª Feira de Artesanato do Vale do Jequitinhonha

10:52 | 03 de maio

 

No período de 6 a 11 de maio de 2019, a Praça de Serviços, no campus Pampulha da UFMG, sedia a Feira de Artesanato do Vale do Jequitinhonha.

O evento apresenta e comercializa a produção artesanal diverssificada das comunidades do Vale, como bordados, tecelagem, peças de cerâmica, madeira, cestaria e alimentos. 

Participam do evento cerca de 90 expositores, de 27 municípios e 48 associações, incluindo os povos indígena Aranã e Cinta Vermelha, do município de Araçuaí, e o Quilombo Raiz, de Presidente Kubitschek.

 

 

Além da exposição e da comercialização dos produtos artesanais, a Feira conta com programação cultural gratuita, que inclui lançamento de livro, documentário, shows e produções teatrais.

Em 2019, o evento completa 20 anos de atividade na UFMG. O objetivo da Universidade é colocar em evidência os artistas locais, promover troca de saberes e ampliar as possibilidades de reconhecimento e comercialização de seus produtos. 

 

Descrição Imagem

 

Audiência pública

Um destaque do evento este ano é a realização da audiência pública 'Artesanato Mineiro: perspectiva', na quarta-feira, dia 8, às 9h30, no auditório da Reitoria da UFMG. Requerida pelo deputado estadual Jean Freire, a audiência contará com a participação de artesãos, representantes de organizações sociais e estudiosos de economia solidária. A participação é aberta a todos.

Histórico

A ideia de realizar um evento que pudesse colocar os artesãos do Vale do Jequitinhonha em evidência na capital mineira surgiu em setembro de 2000, data da primeira edição da feira. 

Desde então, diversas ações para dar suporte e visibilidade ao trabalho dos artesãos foram realizadas pela UFMG. Uma delas, a homenagem aos mestres de ofício, repetiu-se em nove edições da Feira, lançando luz sobre o legado de artesãos com uma longa trajetória de trabalho e de vida. Outra ação importante foi a execução do diagnóstico do artesanato do Vale, em 2003.

Na tentativa de promover o diálogo entre os saberes acadêmicos e populares, artesãos, professores e alunos da UFMG organizaram diversas oficinas, como cerâmica, trançado em taboa, bordado, tecelagem, dentre outras. O objetivo é articular o diálogo entre artesãos e a comunidade, buscando a integração, o aperfeiçoamento, e as trocas científicas e culturais.

Organização
Diretoria de Ação Cultural da UFMG (DAC), Pró-Reitoria de Extensão (Proex) e Polo Jequitinhonha, com parceria do Governo do Estado de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior 

 

Horário:
Segunda, terça, quarta e sexta-feira - 9h às 17h
Quinta feira - 9h às 19h
Sábado - 9h às 14h

Programação cultural

6/5 (segunda-feira)
11h - Abertura Oficial da Feira e lançamento do livro Sabença
12h30 - Show Rubinho do Vale: um cantador do Jequitinhonha
Praça de Serviços da UFMG

7/5 (terça-feira)
12h30 - Cortejo Nossas vidas em cantos dançados! (Erês Mensageiras dos Ventos)
Praça de Serviços da UFMG

8/5 (quarta-feira)
9h30 - Audiência Pública da Assembleia Legislativa de Minas Gerais Artesanato Mineiro: Perspectiva
Auditório da Reitoria da UFMG
12h30 - Concerto da Orquestra de Choro da UFMG
Praça de Serviços da UFMG

9/5 (quinta-feira)
9h - Roda de conversa Salvaguarda do artesanato em barro do Vale do Jequitinhonha(Iepja/MG)
17h30 – Performance teatral Pequenas histórias de mim mesmo (Teatro Universitário UFMG)
18h15 - Lançamento do documentário Yékity - A vida fio a fio
Praça de Serviços da UFMG

10/5 (sexta-feira)
12h30 – Show Canções e Histórias do Brasil Profundo, de Carlos Farias
Praça de Serviços da UFMG

Serviço

6 a 11 de maio de 2019

 

Praça de Serviços da UFMG

Adicionar ao meu calendário Lembrar no Minha UFMG

Entrada franca

(31) 3409-4152/ 6411

Campus Pampulha UFMG - Av. Antônio Carlos, 6627 – Belo Horizonte - MG

https://www.ufmg.br/polojequitinhonha

 

Publicidade