Procurado pelo Atlético, Abel Braga informa que não deixará o Fluminense: 'Chance zero'

Esportes

Procurado pelo Atlético, Abel Braga informa que não deixará o Fluminense: 'Chance zero'

15:45 | 12 de fevereiro

Um dos nomes cotados para assumir a vaga deixada por Oswaldo de Oliveira já pode ser riscado da lista de desejos do Atlético. Em busca de um novo treinador, o Galo fez contato por Abel Braga, mas o atual comandante do Fluminense informa que não aceitará voltar a Belo Horizonte.

A informação de que o Galo realmente procurou Abelão foi divulgada pelo apresentador Héverton Guimarães, da TV Band Minas, no último sábado. O Hoje em Dia entrou em contato com a assessoria pessoal do técnico de 65 anos - SMG Brasil - , que informa a impossibilidade dele acertar com o Atlético.

Segundo Abel, é "chance zero" de ele aceitar rescindir com o Fluminense para vestir alvinegro novamente. Abelão foi treinador do Atlético entre janeiro e abril de 2001. Além disso, afirmou que "jamais fez ou faria" esta atitude de aceitar a proposta de trabalho de outro clube tendo contrato até dezembro de 2018 com o Tricolor das Laranjeiras. 

Com o "não" de Abelão, o Atlético segue na busca por um treinador, tendo planejado anunciar o novo nome até esta terça-feira. Até lá, Thiago Larghi segue no comando, sendo que ele foi o treinador interino do Galo diante da Caldense, derrota de 2x1 no Horto no último sábado.

Além de Abel Braga, o outro nome fortemente ligado ao clube mineiro era de Cuca, que afirmou não ter tido proposta do Atlético, assim como seu empresário, Eduardo Uram, conforme noticiado pela TV Globo.

QUASE RETORNO
Se Abel Braga escolheu recusar qualquer desejo do Atlético de contar com seus serviços de forma imediata, o panorama era completamente diferente na virada de 2016 para 2017. Com a demissão de Marcelo Oliveira entre a ida e a volta da final da Copa do Brasil 2016, o Galo foi no mercado atrás de um treinador e trouxe Roger Machado. Mas, desempregado, Abel era cotado.

Na época, ele afirmou que seria "ótimo voltar ao Atlético". Inclusive, ele estava desempregado no momento, tendo saído do Al Jazira no fim de 2015. Pouco depois de dar esta declaração, Abelão voltou ao Fluminense. (Hoje em Dia)

Publicidade