Galo leva gol no último minuto e perde para Ceará no Castelão

Esportes

Galo leva gol no último minuto e perde para Ceará no Castelão

21:24 | 24 de junho

 

O goleiro Everson foi o personagem da partida em que o Atlético perdeu pela primeira vez como visitante no Campeonato Brasileiro. O camisa 22 falhou duas vezes, logo aos dois minutos de jogo e no último minuto da partida, e o Galo foi derrotado pelo Ceará por 2 a 1, nesta quinta-feira, no estádio Castelão, pela sexta rodada da competição.

 

Apesar dos erros, Everson salvou o Atlético com pelo menos três grandes defesas no primeiro tempo, quando o time mineiro foi muito mal tanto defensivamente quanto no ataque.

Com o resultado, o Galo se manteve com 10 pontos e caiu para a sexta colocação. Já o Ceará foi a oito pontos e pulou para a oitava posição.

Na próxima rodada do Brasileirão, o Atlético segue longe de Belo Horizonte. No domingo, às 20h30, o Galo enfrenta o Santos, na Vila Belmiro. No mesmo horário, o Ceará recebe o São Paulo, no Castelão.

Everson falha no gol do Ceará, mas salva Galo de levar três

O Galo levou o gol logo aos dois minutos em uma falha de Everson. O goleiro deixou a meta e tentou sair jogando com passe a meia altura para o meio-campo, mas errou e entregou a bola nos pés do atacante Lima. Da intermediária de ataque, o jogador do Ceará dominou e bateu no canto, aproveitando o mau posicionamento do arqueiro atleticano que não conseguiu voltar a tempo para o gol.

Depois de sair atrás no placar cedo, o Atlético sentiu o golpe e não criava nada no ataque. Errando muitos passes no meio-campo, o time não fazia bem a ligação com os jogadores avançados e falhava nas poucas vezes que teve quando entrou na área do Ceará. 

Além de não criar no ataque, o Galo continuava errando na saída de bola na defesa, proporcionando ótimas chances para a equipe da casa ampliar o placar.

Se não fosse Everson, o Atlético teria levado pelo menos mais três gols. O goleiro acabou se recuperando da falha e fez grandes defesas. 

Primeiro, Everson saiu bem do gol para impedir que Lima fizesse o segundo dele na partida. Depois, de novo Lima recebeu na área e bateu. A bola ainda desviou em Bueno, mas o goleiro atleticano conseguiu voltar para não ser pego no contrapé e espalmou para escanteio. Por fim, Guga escorregou na entrada da área defensiva, Jorginho recuperou a bola e finalizou forte no ângulo. Everson saltou e mandou para fora de novo evitando mais um gol do Ceará.

Galo melhora, chega ao empate, mas Everson falha de novo no fim

Na etapa final, o Atlético melhorou na parte ofensiva e criou chances em chutes de fora da área com Keno, Hulk e Tchê Tchê, todos passando muito perto do gol.

Arana teve que deixar o jogo após os pontos que levou na cabeça se abrirem – no corte sofrido na vitória sobre o Internacional. Sem lateral-esquerdo à disposição no banco, Calebe foi improvisado na posição.

Melhor na partida, o Galo aumentou a pressão e quase empatou em uma cabeçada de Réver, que havia entrado na vaga de Bueno, com câimbras. O goleiro Vinícius mandou para escanteio. Na sequência, o Atlético foi premiado com o empate. Após a cobrança do escanteio e desvio na primeira trave, Gabriel apareceu na segunda trave e cabeceou no outro canto: 1 a 1.

 

Quase a virada atleticana no minuto seguinte. Hulk arrancou pelo lado direito, invadiu a área e, mesmo sem ângulo, chutou para o gol e Vinícius espalmou. Era o momento da “trocação”. Na sequência, Saulo Mineiro entrou na área do Galo e bateu forte, mas Everson defendeu.

Quando a partida caminhava para o empate, o goleiro atleticano voltou a falhar no último minuto. Após falta cobrada para a área, Everson não segurou a cabeçada e a bola entrou mansa no cantinho.

Ceará 2 x 1 Atlético

Ceará: Vinícius; Gabriel Dias, Messias, Gabriel Lacerda e Bruno Pacheco; Fernando Sobral, Marlon (Charles), Jorginho (Vina), Lima (Wendson) e Mendoza; Saulo Mineiro (Yony González). Técnico: Guto Ferreira

Atlético: Everson; Guga, Gabriel, Bueno (Réver) e Guilherme Arana (Calebe); Allan, Zaracho (Luiz Filipe), Tchê Tchê (Jair) e Hyoran (Felipe Felício); Keno e Hulk. Técnico: Cuca

Motivo: 6ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 24 de junho de 2021, quinta-feira, às 19h
Local: Estádio Castelão, em Fortaleza (CE)

Gols: Lima (2’/1º), Gabriel (26’/2º), Gabriel Lacerda (50 ‘/2º)

Cartão Amarelo: Guilherme Arana, Tchê Tchê, Gabriel, Réver (Atlético); Saulo Mineiro, Bruno Pacheco, Wendson (Ceará)

 

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Auxiliares: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Jose Eduardo Calza (RS)
VAR: Daniel Nobre Bins (RS)

 

(Fonte: Itatiaia/Foto:(Foto: Felipe Santos / Ceará SC)

 

 

 

Publicidade