Após 22 anos, Moacyr Franco é demitido do SBT

Entretenimento

Após 22 anos, Moacyr Franco é demitido do SBT

01:07 | 22 de novembro

 

A crise econômica que atinge o SBT continua fazendo vítimas. Após Carlinhos Aguiar e Jean Paulo Campos serem demitidos, agora foi a vez de Moacyr Franco, que estava no ar em "A Praça é Nossa" há 12 anos. 

Segundo o jornal "Estadão", a emissora não quis se pronunciar sobre o desligamento do veterano, empregado do canal de Silvio Santos desde 1977.

No SBT, o famoso apresentou programas como "Concurso de Paródias" (1997), "Ô Coitado" (1999), "Meu Cunhado" (2001).

Carlos Alberto de Nóbrega, apresentador do humorístico, se disse muito abalado com a situação. "Quando soube que ele seria cortado, foi um choque. Eu disse à direção da casa que não conseguiria dar a notícia, porque iria começar a chorar na hora. Ele é um dos artistas mais injustiçados no nosso País".

O humorista ainda fez questão de elogiar o colega: "Ele é um gênio, tem uma versatilidade como poucos. É um ótimo ator, humorista, escreve muito bem, é um poeta, canta muito bem… Era um absurdo ele ter somente 5 minutos de participação na 'Praça'. Mas a empresa não é minha, e a decisão também não foi minha. Estou muito triste. Ainda não tive coragem de falar com ele".

Além de Moacyr, Paulo Pioli, do bordão "Êta fuminho bom", também foi desligado da atração. (MSN)

 

Publicidade